Notícias Sesc TO

Imagem da notícia

Segundo dia do projeto Identidades Brasilis tem exposição virtual e exibição de filme

Publicado por: RENATO KLEIN em 11/12/2020 às 13:40:20


No dia 15 de dezembro, às 16h, o projeto Identidades Brasilis apresenta a exposição virtual fotográfica “Os negos da Lagoa: Um Recorte da Resistência Quilombola no Tocantins”, de Emerson Silva. O fotógrafo irá participar de um bate papo para falar sobre o trabalho. Já às 19h será exibido o filme “A Sússia” de Lucrecia Dias (Arraias – TO). Após a exibição vai rolar um bate papo sobre o processo criativo com a participação da diretora do filme. A programação do projeto Identidades Brasilis acontecerá na página oficial do Sesc Tocantins no Youtube www.youtube.com/sescto. Informações pelo e-mail cultura@sescto.com.br ou pelo telefone (63) 3212-9954.

 

Os Nego da Lagoa: Um Recorte da Resistência Quilombola no Tocantins

A exposição “Os Nego da Lagoa: Um Recorte da Resistência Quilombola no Tocantins”, do fotógrafo Emerson Silva, retrata através de detalhes, nuances, sombra e luz, o cotidiano contemporâneo do povo que hoje habita a Lagoa da Pedra - Quilombo da Lagoa da Pedra. O povoado surgiu em 1854, com a conquista da liberdade outrora perdida, na fuga do labor escravo das minas de ouro do povoado de Nossa Senhora dos Remédios de Arraias, hoje município de Arraias, a 412 km de Palmas, Capital do Estado, região sudeste do Tocantins, onde encontraram seu refúgio, semeando suas vidas nas serras do cerrado brasileiro, criando seus descendentes, resistindo, dando origem ao Quilombo da Lagoa da Pedra. A exposição vai estar disponível no endereço:

www.sescto.com.br/cultura/exposicoes

 

Emerson Silva

Nascido em São Paulo – SP, em 1975, residente em Palmas, Tocantins, desde 1995, em 2004, Emerson Silva, ingressou no curso de Comunicação Social/Jornalismo da Universidade Federal do Tocantins - UFT em 2002 e Fotografia do Centro de Ensino Universitário Luterano de Palmas - Ceulp/Ulbra. Logo depois passou a trabalhar na assessoria de comunicação da então, Fundação Cultural do Estado do Tocantins, onde teve a oportunidade de conhecer a fundo as manifestações culturais regionais, materiais e imateriais, e seus personagens – comunidades rurais negras, indígenas de várias etnias, mergulhando na fotografia documental e fotojornalismo. Também trabalhou como repórter fotográfico dos jornais, Stylo, Jornal do Tocantins, e na Agência do Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa. Emerson trabalha com paixão a cultura popular e a comunidades tradicionais onde se dedica a documentação fotográfica há mais de 20 anos.

 

A Sússia

Ao som de caixas, pandeiros e bumbos, mulheres e homens de todas as idades cantam, tocam, batem palmas, dançam, recriam as tradições e recontam sua própria história na Comunidade Quilombola Lagoa da Pedra. O filme tem a duração de 17 minutos e a classificação é livre.

 

Identidades Brasilis

O Projeto Sesc Identidades Brasilis se constitui sob a égide de uma ação afirmativa e formativa por meio da produção artístico-cultural de pessoas negras e indígenas e pessoas não negras e não indígenas. Tem seu propósito centrado na produção de ações, com foco na mediação de saberes e conhecimentos desses dois grupos étnicos. Partindo  da compreensão de que o Brasil foi forjado na interação entre diversas culturas, e, ao  mesmo tempo, a partir da construção de uma narrativa oficial totalizante e  homogeneizadora, bases estruturantes de uma sociedade racista e desigual, esse projeto busca, em termos de representatividade e proporcionalidade discutir e refletir sobre questões urgentes e emergentes acerca do que a contemporaneidade nos convida  ao debate. Esse exercício se dará por meio de ações midiatizadas com ênfase na  discussão identitária e das questões étnico raciais, a partir das práticas e das produções  artístico-culturais que venham a contribuir para o desenvolvimento do ser humano,  visando a melhor compreensão de si mesmo e do mundo, mediado pelas  intencionalidades que norteiam as ações educativo-socais do Sesc, por meio da Cultura  que é um direito social e logo, inerente à condição humana, e seu exercício pode garantir às pessoas, enquanto sujeitos e individuais e coletivos: dignidade, liberdade, igualdade,  solidariedade e participação social. 

 

Sobre o Sesc

O Serviço Social do Comércio (Sesc) é uma entidade privada sem fins lucrativos administrada pela Fecomércio Tocantins, que é ligada a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Por meio do acesso à cultura, educação, saúde, esporte, lazer e assistência, são oferecidos serviços e ações que melhoram a qualidade de vida dos brasileiros através de suas mais de 580 unidades por todo o país.

 

Serviço

Cultura – Sesc no Tocantins

Ação: Identidades Brasilis

Exposição: Os Nego da Lagoa: Um Recorte da Resistência Quilombola no Tocantins” de Emerson Silva (Palmas)

Data: 15/12

Horário: 16h

Local do bate papo: www.youtube.com/sescto

Local da exposição: https://www.sescto.com.br/cultura/exposicoes

 

Ação: Identidades Brasilis

Filme: A Sússia de Lucrecia Dias (Arraias)

Data: 15/12

Horário: 19h

Local do bate papo: www.youtube.com/sescto

 

Informações: cultura@sescto.com.br | (63) 3212-9954

 

Imagem disponível para download: https://bit.ly/3qgrAdO

 

www.sescto.com.br

Twitter: @sescto

Facebook: www.facebook.com/sescto   

Instagram: @sesctocantins

Youtube: SESCTO

 

(Texto: Assessoria de Imprensa Sesc - TO)

Serviço: Assessoria de Comunicação do Sesc Tocantins - Fone: (63) 3212-9968.

Coordenador de Comunicação do Sesc - TO: Renato Klein

Licença: Os textos podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte.


Ver todas as notícias