Notícias Sesc TO

Imagem da notícia

Idosa participa de oficina de grafite do Sesc

Publicado por: RENATO KLEIN em 26/06/2019 às 16:08:31

O grafite surgiu da necessidade de intervir na cidade, deixando marcas e as transformando em algo que soe melhor, tanto para os próprios olhos quanto para o coletivo. Foi com essa ideia que Sirlene Alves resolveu deixar seus registros nas paredes do Sesc, em Palmas. A idosa de 86 anos buscou por meio das cores, desenhos e traços trazer a arte para quem não tem tempo de procurar por ela.

A arte grafiteira vem sendo cada vez mais respeitada, porque cria laços e permite a interação entre as pessoas. Além de valorizar o espaço urbano, funciona também como uma galeria de arte aberta a todos. Dona Sirlene, ex-aluna de hidroginástica do Sesc, é artista e em casa costuma pintar em telas. “Eu fiquei sabendo por acaso dessa oficina de grafite, um colega me falou. Achei muito interessante e quis participar. Foi ótimo”. Para ela, o grafite é bem diferente, por que traz muitas misturas de cores nos desenhos, tornando a prática mais prazerosa e alegre.

Segundo a artista, a agilidade do grafite é surpreendente. “Fizemos os desenhos em uma aula teórica e já fomos logo para a parte prática. Nas pinturas em telas tem todo um processo”. Com uma definição simples, o grafite se resume em uma inscrição feita nas paredes, sendo possível deixar o ambiente mais bonito e interessante, proporcionando renovação dos espaços e alegrando o lugar. “Deixar minha identidade nas paredes foi muito importante e significativo para mim, eu gostei tanto que agora quero participar de todas, quando tiver”. Para o Sesc esse tipo de arte valoriza expressões artísticas, além de oferecer beleza e encantamento aos olhos. E nos leva a entender que elas estão trazendo alegria para a vida de muitas pessoas.

Não há idade para arte, por meio dela as gerações mais velhas e mais jovens podem se conectar de maneira leve e divertida. Dona Sirlene é um exemplo disso que a velhice não é uma etapa de restrições, privações e sofrimentos, pois os idosos podem gozar de bem-estar e saúde até o final da vida. As limitações podem surgir, mas se bem administradas, não impedem que o idoso tenha uma vida plena, saudável e feliz. Tudo depende da forma como escolhemos ver e levar a vida.

Serviço
Artes Visuais – Oficina de Grafite

Local: Centro de Atividades do Sesc Palmas
Horário: 08:00h às 18h
Informações: (63) 3416-0100

Imagem disponível para download: http://bit.ly/2YgK9A3


www.sescto.com.br
Twitter: @sescto
Facebook: www.facebook.com/sescto
Instagram: @sesctocantins
Youtube: SESCTO

(Texto: Rosimeire Alves Sousa – Estagiária sob supervisão do jornalista Renato Klein)
Serviço: Assessoria de Comunicação do Sesc Tocantins - Fone: (63) 3212-9968.
Coordenador de Comunicação do Sesc - TO: Renato Klein
Licença: Os textos podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte.


Ver todas as notícias