Mostra de cinema do Sesc Amazônia das Artes entra na 2ª semana de exibição

10/04/2018 17h40 | Atualizado em: 16/04/2018 14h46

O Sesc Amazônia das Artes, o maior projeto de difusão cultural da Amazônia Legal, continua com a Mostra de cinema em Palmas, Araguaína e Gurupi. Em sua segunda semana, serão exibidos os documentários “Família Vida Nova” (Tocantins/2018), “Carta sobre nosso lugar” (Amapá/2017), “Romana” (Tocantins/2017) e as ficções “Operário Biônico” (Tocantins/2015), “Pandorga” (Mato Grosso/2017) e “Meninx” (Pará/2016), e a animação “Metempsicose” (Acre/2017). As sessões acontecem às 16h e 19 horas dos dias 12, 13 e 14 de abril, no CineSesc Palmas (Centro de Atividades da 502 Norte), e nos dias 13, 14 e 15 no CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína – Anselmo da Silva Moraes), e no CineSesc Gurupi (Unidade Operacional do setor Engº Waldir Lins). Na capital, no sábado, às 19h tem mais debate mediado pelo cineasta tocantinense Saullo Moura. A programação completa pode ser acessada no link https://bit.ly/2H7Fo43. Informações pelos telefones (63) 3212-9915 e 3212-9949.

O Sesc Amazônia das Artes é uma mostra cultural que estimula e difunde a cultura amazônica, e tem como objetivo promover a circulação da produção dos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins, tendo o Piauí como convidado. A sua programação consta de apresentações de música, cinema, teatro, dança, circo, literatura, artes visuais, intervenção urbana e ações formativas, a exemplo de oficinas. Desde sua criação, a coordenação do projeto é alternada entre os Departamentos Regionais do Sesc nos estados participantes. Tocantins (2008), Pará (2009), Amapá (2010), Mato Grosso (2011), Acre (2012), Piauí (2013), Maranhão (2014), Roraima (2015), Amazonas (2016), Rondônia (2017) e, neste ano, Tocantins.

Confira a seguir, as sinopses, locais, datas e horários de exibição:

“Romana” (Tocantins/2017) tem a direção de Helen Lopes e duração de 24h36min. O ocumentário narra a história de Mãe Romana, como é conhecida na cidade de Natividade, Estado do Tocantins. Segundo Mãe Romana, sua missão consiste em preparar a Terra para o grande eixo final. Devido às suas atividades, ela é vista pela população como um misto de profetisa e louca, religiosa e artista, vivendo no limite de uma experiência mística com as divindades que as orienta.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
13/04 às 16h e 19h
07/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
14/04 e 08/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
14/04 às 16h e 19h


“Família Vida Nova” (Tocantins/2018) com direção de Ludmilla Weber de Oliveira e duração de 20m58s é um documentário urbano que conta a trajetória e o trabalho do grupo brasileiro de rap nacional Família Vida Nova, formado na cidade de Palmas em 2010. Juntos trabalham na missão de difundir a cultura hip-hop e transmitir a mensagem consciente através de suas letras. Além disso, muitos trabalhos sociais voltados para as comunidades e agora com um novo estúdio de gravação. A produção independente foi gravada na quadra 605 Norte, bairro conhecido como Vila União na capital, em caminhada com os integrantes, que buscam pelo reconhecimento e lutam contra o preconceito.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
12 e 14/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
13 e 15/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
13 e 15/04 às 16h e 19h

“O Operário Biônico” (Tocantins/2015), tem a direção de Cláudio Macagi e duração de 04h44min. É um documentário experimental com temática social no qual o cotidiano em uma obra pode trazer à tona questões corriqueiras, sociais e trabalhistas. O inusitado é que os protagonistas são todos formigas.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
12 e 14/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
13 e 15/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
13 e 15/04 às 16h e 19h.

“Carta sobre nosso lugar” (Amapá/2017), direção de Rayane Penha, 13min de duração, o documentário apresenta histórias de mulheres que moram e trabalham no Garimpo do Vila Nova, interior do Amapá. Mostra as forças e o poder místico dessas mulheres que se materializam em suas realidades. Mulheres que resistem aos conflitos que fazem parte do universo do garimpo, trabalhadoras, mães, filhas, prostitutas, todas elas vivendo em um universo que parece paralelo ao resto do mundo, uma comunidade de garimpeiros com suas próprias leis e seus próprios comandos, onde enriquecer através do ouro é o único objetivo dos homens.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
12 e 14/04 às 16 e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
13 e 15/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
13 e 15/04 às 16h e 19h

“Pandorga” (Mato Grosso/2017), direção de Maurício Pinto, com 16m03s, mostra um casal que viaja de carro saindo de Cuiabá para o Mirante em Chapada dos Guimarães, onde abrirão os exames que revelam se o rapaz tem, ou não, um tumor maligno.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
12 e 14/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
13 e 15/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
13 e 15/04 às 16h e 19h

“Metempsicose” (Acre/2017), direção de Italo Rocha e Marcelos Zuza, tem 02m28s de duração. Em mundo devastado pelas mãos do homem, o guardião usa de seus encantamentos para manter a última fonte de vida no planeta. O ser humano se esquece que, ao prejudicar a natureza, responder agressivamente ao meio ambiente, é como se respondesse para ele mesmo e acabasse com a sua própria vida. A alma é imortal e quando a pessoa morre a alma, logicamente, deixa o corpo, e, em consequência disso, transmigra para outro corpo, e assim, sucessivamente. Se alma atingir a purificação, conseguirá, no sentido ontológico, o auge da libertação, caso contrário, terá que transmigrar até conseguí-la. Esse processo repetir-se-á por várias vezes e a alma do indivíduo vai transmigrar passando por todas as criaturas do mar e da terra até chegar novamente no homem. A metempsicose é uma doutrina que sustenta a transmigração da alma humana para corpos animais ou espécies vegetais. Deste modo, um Espírito, que hoje anima um corpo humano, poderia retornar ao mundo sob formas vegetais ou animais.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
13/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
14/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
14/04 às 16h e 19h

“Meninx” (Pará/2016), com direção de Tarcisio Gabriel da Conceição Santos e duração de 20m07s. Cris é um garoto transgênero que após ir a uma festa, precisa lidar com escolhas difíceis que podem mudar sua vida para sempre.

- CineSesc Palmas (Centro de Atividades Sesc Palmas)
13/04 às 16h e 19h

- CineSesc Araguaína (Centro de Atividades Sesc Araguaína)
14/04 às 16h e 19h

- CineSesc Gurupi (Unidade Operacional Sesc Gurupi)
14/04 às 16h e 19h

Saullo Moura (TO)
Formado em Comunicação Social – Publicidade & Propaganda pelo CEULP/ULBRA. Seu TCC foi direcionado para uma leitura semiótica da cena inicial de um longa-metragem. Quando criança passou a ter um deslumbramento com a sétima arte no momento em que se viu como tela de uma projeção cinematográfica. Além do apreço para com o cinema, também tem como experiência premiação no Festival Chico de Audiovisual com o curta-metragem “Fuga”; produção e direção de curtas-metragens na Escola de Cinema Darcy Ribeiro; produção de documentário, vídeo institucional e análise crítica textual para projeto de extensão acadêmica (EN)CENA e produção de web programas. Além de um grande fã do audiovisual, é um entusiasta da arte e da cultura, um karateca, um sonhador e, nas horas vagas, defensor do setor 2814 (HQs).

Serviço
Cultura – Sesc Amazônia das Artes 2018

Ação: Mostra de Cinema do CineSesc Palmas / Araguaína / Gurupi

Filmes: “Romana” (Tocantins/2017); “Família Vida Nova” (Tocantins/2018)
e “Operário Biônico” (Tocantins/2015); “Carta sobre nosso lugar” (Amapá/2017); “Pandorga” (Mato Grosso/2017); “Metempsicose” (Acre/2017); e “Meninx” (Pará/2016)

Datas:
12, 13 e 14 de abril (CineSesc Palmas – Centro de Atividades Sesc Palmas)
13, 14 e 15 de abril (CineSesc Araguaína – Centro de Atividades Sesc Araguaína – Anselmo da Silva Moraes)
13, 14 e 15 de abril (CineSesc Gurupi) – Unidade Operacional Sesc Gurupi)

Horário: 16h e 19h

Entrada: gratuita

Classificação: livre

Informações: (63) 3212-9915

Programação completa: https://bit.ly/2H7Fo43

Imagem disponível para download: https://bit.ly/2IFbV0U

Trailer disponível:
https://www.youtube.com/watch?v=ySan1T0k2XQ



www.sescto.com.br
Twitter: @sescto
Facebook: www.facebook.com/sescto
Instagram: @sesctocantins
Youtube: SESCTO
Instagram: @sesctocantins

(Texto: Ronaldo Coelho – Assessor de Imprensa Sesc - TO)
Serviço: Assessoria de Comunicação do Sesc Tocantins - Fone: (63) 3219-9102 – 3219-9160.
Coordenador de Comunicação do Sesc - TO: Renato Klein
Licença: Os textos podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Twitter: @sescto. Acesse www.sescto.com.br. Conheça nossa FANPAGE - http://www.facebook.com/sescto