O objetivo do Mediadores de Leitura é fomentar a leitura, fazendo com que os participantes se aproximem, cada vez mais, dos livros. O projeto consiste, basicamente, na realização de rodas de leituras e dinâmicas em grupo. O programa Mediadores de Leitura se desenvolve em três etapas:

PRIMEIRA ETAPA – Curso de Formação

Na primeira será realizado um curso de formação dos mediadores com duração de 20 a 25 horas/aulas por algum oficineiro com renome nacional com experiência em trabalhos de mediação de leitura literária. Desse curso será selecionada a equipe de Mediadores de Leitura que desenvolveram as rodas de leitura durante o ano em instituições parceiras do Sesc Tocantins (escolas, ONG’s, bibliotecas, dentre outros).

SEGUNDA ETAPA – Rodas de Leitura

A equipe de Mediadores de Leitura desenvolvem rodas de leitura, de forma sistemática diretamente na comunidade de Palmas, em escolas, ONGs, associações de moradores e outros espaços onde seja possível incentivar e aproximar leitores do texto literário.

Ao final do trabalho com as rodas de leitura, em cada espaço em que houve a mediação de leitura literária há a realização de um sarau literário, no qual são expostos os trabalhos com apresentações de leitura realizadas nas rodas literárias, além de contação de histórias e declamação de poesias com os participantes do programa.

TERCEIRA ETAPA – Festival de Causos e Poesia Encenada

Na terceira e etapa final do Programa Mediadores de Leitura, temos a realização no Teatro Sesc Palmas do Festival de Causos e Poesia Declamada que conta com apresentações dos participantes das rodas de leitura e de outros artistas inscritos no festival por meio de edital de inscrição. Esses concorrem em duas modalidades de disputa no Festival [Causos/Contação de histórias e Poesia Declamada] e em duas categorias [Categoria Aberta – inscritos através do edital e Categoria Mediadores de Leitura – participantes do projeto de mediação de leitura literária].

O Festival de Causos e Poesia Declamada terá com uma grande festa de premiação que contará com uma apresentação artística de contadores de histórias (grupo ou apresentações solo), de origem nacional e/ou internacional de renome internacional. Esse(s) artista(s) (ou um deles) também fará parte da Comissão de Júri que avaliará as apresentações da final do Festival.